Mengo Mania

Notícias

Outros Canais

Jogos

Fla tira lições de empate na altitude e liga alerta para desafio ainda maior

Empate com Millonarios serve como aprendizado para o Rubro-Negro, que enfrenta o Bolívar a 3.640 m

Redação
Foto: Mauricio Dueñas Castañeda (EFE) Flamengo x Millonarios

O Flamengo encerrou sua primeira partida na altitude com um ponto e uma série de lições valiosas. Diante do Millonarios, o rubro-negro enfrentou desafios e agora se prepara para um confronto ainda mais exigente contra o Bolívar, a 3.640 metros acima do nível do mar.

Desafios enfrentados:

1. Erros de passe:

Os erros de passe, especialmente no primeiro tempo, foram uma dificuldade significativa para o Flamengo, culminando no gol de empate do Millonarios.

2. Time desencaixado:

A ausência de De la Cruz afetou a conexão do meio-campo, ressaltando a importância da entrada de Allan para melhorar o desempenho coletivo.

Continue lendo após a publicidade

3. Bolas aéreas:

O Flamengo reconheceu a ameaça das bolas pelo alto, estratégia explorada pelo Millonarios e que quase complicou a partida.

4. Físico em evidência:

O desgaste físico foi um fator relevante, com nove jogadores viajando para a Colômbia em condições não ideais, destacando a importância da gestão do elenco.

5. Sistema defensivo:

Embora os zagueiros não tenham comprometido, o Flamengo viu o Millonarios pressionar, especialmente pelos lados, resultando no primeiro gol oficial da temporada.

Aprendizado e preparação:

O Flamengo absorveu as lições da partida na altitude e se prepara para o próximo desafio. A correção de falhas e o aprimoramento do desempenho são prioridades para enfrentar o Bolívar com mais confiança e eficácia.

Destaques da matéria:

  • Erros de passe e desafios na conexão do meio-campo.
  • Capacidade defensiva contra bolas aéreas.
  • Necessidade de gerenciamento cuidadoso do elenco.
  • Análise do sistema defensivo do Flamengo.
  • Aprendizados e preparação para futuros confrontos.

Comente