Mengo Mania

Notícias

Outros Canais

Jogos

Flamengo: entenda bônus por Léo Ortiz

Clube estipula condições específicas para pagamento de bônus ao Bragantino

Redação
Foto: Marcelo Cortes / CRF Léo Ortiz em seu primeiro treino com o elenco do Flamengo

O Flamengo não terá que pagar bônus por Léo Ortiz se ganhar o Carioca. O clube definiu que apenas competições específicas, como Copa do Brasil, Brasileirão e Libertadores, são elegíveis para atingir o prêmio de um milhão de euros a ser pago ao Bragantino.

Ao custo de 7 milhões de euros (cerca de R$ 38 milhões), Léo Ortiz pode render um acréscimo de até um milhão na mesma moeda (R$ 5,4 milhões). No entanto, o "até" é crucial, pois depende do desempenho do Flamengo em torneios selecionados.

A Copa do Brasil, o Campeonato Brasileiro e a Libertadores da América são os títulos válidos para o bônus de R$ 5,4 milhões. Cada um desses torneios vale 500 mil euros (R$ 2,7 milhões), com um limite máximo estabelecido.

Continue lendo após a publicidade

Caso o Flamengo conquiste a tríplice coroa, a premiação se mantém em um milhão de euros. Nesse cenário, o Bragantino não receberia 500 mil euros por cada título. Uma vez alcançado o montante de R$ 5,4 milhões, não há mais pagamentos adicionais.

É importante ressaltar que o Campeonato Carioca não faz parte do pacote de competições que geram bônus. Nos últimos dois anos, não houve premiação para os campeões dessa competição.

O pagamento dessas metas esportivas ao Bragantino está vinculado a novas receitas, não afetando diretamente o patrimônio do Flamengo. Os recursos provêm das verbas geradas pela conquista de títulos, não representando um ônus financeiro adicional para o clube.

Comente